sábado, 2 de outubro de 2010

Amor ou Doença?

       Quando a pessoa que você "ama" está distante, você chora? Suas mãos tremem e suam? Não sente vontade de comer? Você se sente incapaz e incompleto? Sinto muito, mas isso não é amor. É doença! O Amor é muito mais tranquilo que isto. (I Coríntios 13) Várias vezes pensei estar apaixonada, amando... Mas, era um sentimento tão egoísta e controlador e muitas vezes até corrompido pelo ódio, que acabei entendendo a diferença entre amor e doença.
       O Amor é um sentimento lindo, porém muito poderoso, por isso devemos tomar cuidado com ele, pois ele poderá se tornar uma doença terminal se permitirmos. Sabe como? Pensando como no primeiro parágrafo deste texto, pois Deus nos fez completos, capazes; não devemos ser dependentes de ninguém, além do Único que sabe o que é melhor para nós, Deus. Só Ele é perfeito e digno de total confiança.
       Afirmo com todas as letras: Minha vida sentimental passa longe de ser exemplo! E é por isso que eu sou a mais indicada para dizer o que não fazer. Não se deixe levar por olhares, sorrisos, promessas, admiração... Ainda mais se forem meus! Isso de nada vale quando o assunto é "vida a dois". Quando se interessar por agluém, busque conhecê-la antes de declarar isso a ela e a você mesmo.
       Certa vez li uma frase que dizia: "Alguém que te põe nas alturas e trata mal o garçom, não pode ser uma boa pessoa." As máscaras sempre caem, e um dia você vai se perguntar "Como foi que me apaixonei por isto?". Muitos já fizeram esta pergunta se referindo a mim, e eu também já fiz essa pergunta algumas vezes, porque quis colocar a carroça na frente dos bois, me entregando primeiro e conhecendo depois.
       "Queria que as pessoas me levassem a sério..." Então se leve a sério, tenha seriedade. Seja tudo aquilo que você quer na pessoa desejada; seja o exemplo que ela deve seguir, seja o espelho.
       O que acontece quando você e a pessoa "amada" discordam? Você sente raiva? Vontade de matá-la? Vontade de morrer?... E você ainda acha que isso é amor!? Você precisa de cura urgente e sabe disso! Como se curar da doença? Eu me curei me aproximando de Deus, me proibindo de perder tempo procurando motivos para me magoar e me distraindo com aqueles que me querem bem. Assim me curei da doença. E o sentimento?
       O que faz mal não é o amor, mas a sua forma descontrolada, a doença. Quando nos irritamos ao saber que a outra pessoa está feliz, enquanto estamos infelizes, ainda estamos doentes; mas quando nos alegramos com ela ou até torcemos e oramos por ela, essa pessoa é realmente amada independente do que aconteceu.
       Não seja doente ou obcecado por alguém. Ninguém merece uma coisa dessas, principalmente você! Porque o mal que você faz a você mesmo não vale a pena. E a raiva que se sente de alguém, não faz com que você ganhe algo e a outra pessoa perca. Só você sai perdendo!
       Você gostaria de ter alguém doente por você? Alguém que só pensa e fala em você o tempo todo (ás vezes bem, ás vezes mal)? Alguém capaz de matar e morrer por você? Alguém que quer você custe o que custar? Que pisa nas outras pessoas pra te fazer feliz? Ou sai com outras pra te fazer ciúme?... Se sim, você não faz ideia do risco que quer correr, nem sabe onde esse "amor bandido" pode acabar. Se não, então não seja assim! Seja a imagem e semelhança de Deus em todos os momentos, sendo assim o exemplo que qualquer um gostaria de seguir. Enquanto eu queria que as pessoas cantassem pra mim o refrão de That kinda Girl - DC Talk , elas viam que eu me encaixava mais em Hot'n'Cold - Katy Perry.

        Muitos turistas viajam o mundo inteiro para conhecer a beleza dos vulcões. Vulcões são realmente muito lindos; mas se você morasse debaixo de um, e ele entrasse em erupção destruindo a sua casa e sua família; você o acharia bonito? Ele é bonito de longe, assim como eu "era" (passando por mudanças).  "Nossa! Ela é tão simpática, tão gentil, meiga, carinhosa..." de longe e quem me conhecia de perto, poderia dizer "Que garota louca, neurótica, estúpida, egoísta, grossa...". Não digo que hoje as pessoas só usam a primeira frase, mas tenho tentado mudar buscando me conhecer e conhecer a Deus ainda mais. Ele é o exemplo que eu quero seguir quanto a amor, respeito, humildade... Tudo!
       Períodos difíceis são períodos de crescimento. Se estiver passando por algum, aproveite para pensar em tudo isso e não deixe um sentimento tão lindo como o amor corromper a sua alma. Nada em excesso faz bem, só Deus! Jesus disse: "Amarás o teu próximo como a ti mesmo." e não "Amarás o teu próximo mais do que a ti mesmo". Se você está doente, saiba que Deus tem a cura. Procure-o na oração mais próxima de você! ^^


"Se quisermos uma vida boa e feliz, precisamos cuidar com o que falamos. Desviar-se do mal, fazendo sempre o bem e procurando viver em paz. Pois o Criador nos olha com amor, atento a nossas orações." (I Pedro 3:10-12)

5 comentários:

Washington disse...

Menina,

"Deus se manifesta em tudo, mas a palavra é um dos seus meios favoritos de agir". E é impossível não notá-Lo em suas palavras.
Como estavamos conversando outro dia, hj em dia as pessoas se escondem demais, e é preciso mt força e coragem para ser assim tão sincera. E sabedoria para admitir e querer mudar, querer crescer. E não há melhor caminho pra isso do que o crescimento espiritual, pois através dele podemos navegar com tranquilidade pelos mares da emoção e coragem para enfrentar as tempestades do caminho.
Não posso dizer que te conheço mto bem, pois tive pouco tempo pra isso. Mas tive tempo pra descobrir que és uma menina especial e abençoada. Mas ao ler o seu blog, é impossível não notar esse suave e doce aroma do amadurecimento. A "menina" virando "mulher".hehe ^^
Axo que acabei me empolgando com as suas palavras...aushausha então melhor parar por aki ou então é melhor eu criar meu próprio blog né...aushuahs
Quanto à parte das músicas... axo que merece que alguém cante "Godsend" pra vc!

Parabéns pelo blog! Ta mto show! Se superando e me surpreendendo a cada post!! xD

Bjoss

Alô Qualidade disse...

Olá querida, que bom ver você aqui... bem no seu estilo. Saudades, Adelia Di Buriasco.

Tiago disse...

é dificil msm saber qndo estamos amando ou qndo estamos doentee,mas, vc definiu bem os pontos q diferem uma coisa da outra;tá escrevendo fácil heiin! Demoreei pra comentar esse post , mas , num podia deixar d comentaar! ^^
Deus continuee t abençoandoo.

Thaís Amaral disse...

Lição de vida! =)
Infelizmente, não sabemos o que "amor", muitas das vezes, é banalizado, e tmb confundimos com suas "doenças".
Mui interessante; muito reflexivo. E, tmb, show'z você está relacionando em seus textos a Bílbia. *-*

Beijinhos, Vanessa! Fique com Deus sempre.

crisiec disse...

Nossa, amei o texto,perfeito!
A verdade as vezes dói, mas a biblia diz: "Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará."
Louvo à Deus pela sua vida, e pelos ensinamentos que Ele tem te dado. Que Ele te abençoe a cada dia mais!
Bju, Cris.

Postar um comentário